quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Fotografia para bloggers

Na sequência do último post, achei que seria útil desconstruí-lo e abordar cada um dos itens, ou pelo menos os que me parecem mais importantes, quer do ponto de vista pessoal, quer do ponto de vista comercial - para quem quer fazer disto uma profissão.

Resolvi começar pela fotografia, pois é um assunto que me é querido. Já o disse mil e uma vezes, mas volto a repetir para que não haja mal entendidos: não sou fotógrafa, nem tenho qualquer ambição de o vir a ser, contudo sou uma consumidora ávida de fotografia, de imagem, de desenho, de tudo o que me prenda o olhar. 
Gosto de imagens bonitas, com luz, sem flashes nem filtros. 
Gosto de fotografar coisas. 
Não gosto de fotografar pessoas. 
Gosto do exercício de escolher objectos, flores, pedras, pequenos nadas e fazer uma composição - umas ficam melhores que outras, é verdade, mas só assim se consegue evoluir.
Gosto de observar o trabalho de alguns fotógrafos que tenho a sorte de ter como amigos e imaginar como terão conseguido este ou aquele resultado e depois "imito-os" para aprender - sim, a imitação faz parte do meu processo de aprendizagem, mas essas imagens são só minhas e estão guardadas a sete chaves. 

Mas vamos ao que interessa: as "regras" de uma leiga 😀
Há uns anos escrevi um post sobre este assunto e pouco tenho a acrescentar:

LUZ: o mais natural possível - quer no interior quer no exterior evito zonas escuras ou que tenham demasiadas sombras (a não ser que sejam necessárias para algum efeito); se fotografar na rua prefiro a luz do início da manhã ou do final do dia, por serem mais ténues e não "roubarem" cor aos objectos.

PERSPECTIVA: felizmente já não estamos dependentes dos rolos em que as fotos eram contadas e podemos, assim, experimentar diversos ângulos; com a experiência e a sensibilidade que se ganha, começa-se a perceber quais os ângulos que resultam melhor e se, de início, era capaz de tirar umas dezenas de fotos para aproveitar duas ou três, actualmente tiro meia dúzia e fico com as que necessito. Insistir. Persistir. Nunca desistir.

FUNDO: cenários pouco ruidosos funcionam sempre bem - less is more, verdade? Mais uma vez, aqui a sensibilidade e o bom senso imperam sobre tudo o resto, mas o tempo e o olhar também são mestres; gosto de ter à mão uma boa selecção de objectos que ponho e tiro até me parecer bem - livros, tijelas, canetas, molas de roupa de madeira, carimbos, letras, copos e bocados de tecido...  tudo depende do foco. Tento não misturar alhos com bugalhos e encontrar algo em comum que crie uma linha entre tudo, que pode ser a cor, o tema, ... (nota: se estiverem a dar ênfase a uma mesa, por exemplo, tenham atenção à posição dos talheres, ok? eheheh)

EDIÇÃO: na minha modesta opinião, quantos menos - ou nenhuns! - filtros as fotos tiverem, melhor; no computador edito as minhas com uma versão já antiga do Lightroom e "apenas" mexo na luz, na temperatura, nas sombras, nos claros e nos escuros; uso muitas vezes a opção de "crop", para eliminar o que não é necessário; no iPad uso essencialmente duas aplicações: Snapseed e Over

VIDEO: para a produção/edição de video uso o editor do Youtube ou o Flipagram - obviamente que se pudesse pagar a alguém que me fizesse isto, o faria...

FINGER SKETCHING: aqueles rabiscos que partilho por ondas faço-os no iPad, com os dedos em várias aplicações. Já usei o Bamboo, o Paper 53 e agora estou a usar o Sketches

BANCOS DE IMAGENS: também é uma hipótese, mas mais impessoal... para imagens gratuitas recorro ao Pixabay (embora haja outros este tem um bom leque fotografias para quase todos os gostos)

O que é que eu uso para fotografar? Comecei com uma câmara compacta e há uns anos fiz um upgrade para uma DSLR, onde quase sempre tenho uma lente de 50mm 1.8. Quando estou em modo "preguiça" fotografo tudo em modo automático sem flash (oopppsss, isto não era para dizer!) ou se estou com tempo e paciência vario entre o modo Manual e o AV. Desde que tenho o iPad, a máquina fica muitas vezes em casa e é ele o meu aliado.

Imagens bonitas captam mais a atenção, daí serem uma mais valia num blog, por isso escolham-nas bem e dêem-lhes nomes, pois essa é uma forma mais fácil de serem encontradas pelos motores de busca. 

Por ora não me lembro de mais nada importante, mas se tiverem algumas questões que achem que eu sei, ou posso, responder, deixem-nas nos comentários ou enviem-me um e-mail.

Pano p'ra Mangas
Facebook | Instagram | Pinterest 

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Blogging tips