domingo, 5 de novembro de 2017

O mundo encantado dos bonecos de pano

Já perdi conta aos bonecos de pano que fiz nos últimos anos. Vendi uns dois ou três e devo ter oferecido perto de uma dúzia. Prefiro oferecê-los, porque sei que são tratados com o carinho e respeito que merecem. "Carinho e respeito"? - perguntarão. Sim! Porque são esses os ingredientes que coloco em cada um deles. Não faço dois iguais. Nem são iguais aos que uso como modelo. 

A titulo de brincadeira andei a percorrer os cantos à casa na meca dos que ainda andam por cá. Estes são meus. Não os dou e muito menos os vendo. Ah, e não aceito encomendas, caso já estejam com ideias (mais abaixo já explico porquê).

Eu adoro fazer estes bonecos, pois nenhum é devidamente pensado com antecedência. Eles vão nascendo à medida que os vou fazendo. Até posso ter uma ideia de como os quero vestir, mas é quando estou com eles na mão e a máquina de costura à frente que me deixo levar pela personalidade de cada um e pelo meu estado de espírito. Gosto de pensar nos detalhes - como a gola e a algibeira da camisa do boneco, ou do nome que lhes vou dar - como à minha "mini me", que vesti de acordo comigo. Levo horas a fazer cada um deles, de preferência em silêncio - um silêncio bom, de paz comigo própria, de meditação, de sonhar acordada.

Por incrível que pareça consigo lembrar-me de quando fiz cada um deles e o que me motivou. A gatinha foi a primeira das primeiras - comecei logo com um projecto complexo, pois todas as peças do corpo são separadas e os braços movem-se. Os coelhos foram feitos em épocas diferentes, sendo que um deles foi feito em conjunto com outro igual que ofereci a um sobrinho que estava internado nessa altura. A bailarina, tem razões óbvias e fi-la no ano passado. O menino fez parte de um conjunto mais vasto e que tinha de tudo um pouco... É mais ou menos isto 😊


Agora ando encantada com a Maria Inês, que fiz no workshop com a Rute Granja, alguém que "conheço" há anos - ainda da época em que o Flickr era, por excelência,  a rede social das crafters - mas que só agora tive a oportunidade de conhecer a sério. E é óbvio que estou mais que encantada com a Margarida, ou seja, uma "mini me" com quase todos os ingredientes que me caracterizam: o ser rechonchuda, friorenta e ter um fraquinho por saias de xadrez (hei-de fazer uma com uma saia de pregas, mas ainda não é hoje...)


Quase todos os bonecos da foto foram feitos com base nos moldes da Tilda, da Black Apple Doll e da Rute Granja.

Conseguem eleger um como preferido? Se sim, qual?

Sobre o vender bonecos. Porque é que não o faço? Porque quando faço preço para um trabalho destes, a primeira coisa que oiço é: "É muito caro!". Ao que me apetece responder: " Então faça! ... e depois diga-me se é caro." Eu já nem faço contas ao preços dos materiais - que não são nada baratos!. Faço contas, sobretudo ao tempo (não dizem que tempo é dinheiro?) que se leva a fazer um trabalho destes - entre 6 a 12 horas, dependendo dos detalhes. Por isso, cobrar pelo valor dos materiais, mais "um pouquinho" pelo trabalho, seria desvalorizar tudo, e eu não trabalho de graça. E é por isto, que prefiro oferecer a quem eu acho que merece.

Pano p'ra Mangas

4 comentários:

  1. Que bonecas mais fofinhas, com tanto pormenor, achei o máximo.
    É mesmo como dizes,uma realidade, acham tudo caro, dá mesmo vontade de dizer então faça para ver quantas horas leva, custo de materiais e criatividade.
    Prefiro oferecer a quem dá valor e trata com amor cada peça que também é elaborada com muito amor e carinho.
    Bj grande e uma boa semana.

    ResponderEliminar
  2. Pois Margarida... a expressão "é muito caro" como me responderam a semana passada em relação ao preço da minha boneca Luna deixa-me triste pois parece que estou a trabalhar para aquecer.
    Mas não posso deixar de me valorizar só para vender.
    Apesar de ser um complemento ao meu rendimento, prefiro não vender do que estar a "oferecer".
    Os teus bonecos são muito fofos :)
    Beijinhos
    Marta
    https://pitinhosdamarta.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Blogging tips